quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Breguice é teu nome!

Oi pessoal!

Quem acompanha a minha conta no twitter (@tabbykink, amores) sabe que estou numa vibe indiana, né? Ando vendo filmes de Bollywood direto e me divertindo muito. Muita cor, muita dança, música pop, romance (sem beijo, mas acho que já estou me acostumando) e um bom punhado de lágrimas. Um dos meus favoritos até aqui foi Rab Ne Bana di Jodi, que foi hilário e divertido até não poder mais. Mostrei uma cena musical à minha irmã e ela assistiu com um nítido constrangimento. XD Transparente feito água mineral Minalba, foi fácil perceber que ela não gostou. Foi então que ela deu a sentença: é BREGA! Depois de refletir alguns minutos sobre isso, percebi isso é uma constante em minha vida! Tabby-chan, breguice é teu nome!  

 Taani e Raj (Surinder disfarçado), personagens de Rab ne Bana di Jodi

Fazendo uma análise profunda da minha existência (que frase linda), percebi que desde muito tempo sou brega. Cafona, mesmo! Mas acho que só me dei conta disso agora mais velha. Quando eu digo “se dar conta” quer dizer abraçar o seu eu brega e correr feliz pelas montanhas no melhor estilo Noviça Rebelde fazendo alôka! Mas não devo isso os indi filmes, não! Eu entrei mesmo no mundo da breguice espetacular do pop graças a uma certa banda de J-pop chamada Arashi.

A verdade é que o Arashi merecia um post só pra eles, contando como eles me ajudaram a aceitar a verdade universal da minha vida: adoro um pop! Por um bom tempo eu tentei ser o que não sou. Tentei gostar, assistir e ouvir coisas que a crítica e as pessoas “de bom gosto e inteligentes” gostavam. Por um bom tempo não tinha respostas para perguntas simples como: qual sua banda favorita? Agora, se me perguntarem, ficaria dividida entre várias! Todas seriam boy bands asiáticas, pop e beirando a breguice total (paletó de oncinha só é brega na India, né?). Quem conhece o Arashi sabe que a banda, assim como a maioria absoluta do cast da Johnny’s, usa roupas cafonérrimas e possuem algum clipe bem tosquinho (e quem disser que kpop também não tem isso, tá de palhaçada). Mas quando eu me dei conta que já não podia deixar de ir ao Youtube ver vídeos deles, baixar as músicas e colecionar fotos do Jun Matsumoto (aliás, por onde anda meu cd com suas fotos?), olhei para mim mesma e mandei um foda-se à sociedade. Com toda a força do meu espírito grito ao mundo: EU ADORO BOY BANDS ASIÁTICAS E TENHO VERDADEIRO HORROR AO RADIOHEAD!! XD

 Arashi é pura alegria pop!

Mas como a Tabby-chan não seria a super-brega-girl-of-the-world? Se ela adora os shoujo mangás mais dramáticos (que tem algumas tramas que não devem nada aos filmes indianos mais cretinos, vamos combinar), as capas de revistas japonesas mais mirabolantemente coloridas e os brindes mais espalhafatosos e cheios de laços que vem com a Ribon? Olha, eu amo shoujo mangá como gordinho ama o Mc Donald’s, mas preciso reconhecer que tem certas coisas cafonas que só! E isso é muito legal! XD Os mais inteligentes que procurem Aristóteles e Nietzsche no seu mangá seinen, shonen, josei, como queira! Eu quero é rir, chorar e me desesperar com todos os shoujo mangás mais ridículos, bregas e sem noção que o Japão possa me oferecer! Eu quero é mais!

 Aposente o seu abanador de papelão da Brahma e use o da Ribon! É fresquinho na base da breguice, amor!

Com todo esse histórico, de quem genuinamente gosta de ver novela mexicana e canta o tema da Maria do Bairro a plenos pulmões, como não se perder pelos filmes de Bollywood? Querido, é dança coreografada na batida! É personagem a beira da morte pedindo que sua amada seja sua nas próximas vidas, é história de amor melosa mesmo, que está atraindo até formiga no computador! Como eu não tinha entrado nessa onda antes? Essa minha mania de chegar atrasada em tudo é UOH! Confesso que no início fiquei meio constrangida, com receio da breguice em estado puro, da cafonice arremessada na sua cara com o maior amor! Mas agora já baixei música, já arrisco uns passinhos, já estou me familiarizando com os atores. O céu cor-de-rosa da cafonice admitida é o limite para mim! XD

 Filme indiano é puro amor!

Não por acaso o nosso mascoty é o Tom Hardy, né? E tem alguém que deliberadamente queima o próprio filme tão bem quanto ele? As fotos de cueca, zuando com as perucas, posando com os fãs imitando o De Niro (eu acho mais parecido que com o Marlon Brando, pronto falei), sem contar as declarações que nenhum astro de cinema em seu juízo normal soltaria na cara dura. Talvez essa conexão com seu lado tosco (que no meu caso seria bem mais que apenas um lado) tenha me atraído nele sem nem saber. Assumir a breguice e a tosquice em seu interior liberta! E como liberta! XD

 Tom Hardy: mais que um mascoty, um ídolo!

A partir de hoje tentarei ser cada dia mais sincera e como a Lady “Guru” Gaga ensinou, abraçar tudo que há de estranho em mim. Assinar um contrato de fidelidade com o que houver de mais divertido, colorido, brega, espetaculoso e anti-críticos-da-Rolling-Stone. Vou lá na locadora torrent ver quais novos filmes do Shahrukh Khan estão disponíveis (e sair baixando as irresistíveis músicas que ele canta), varrer o Youtube atrás dos novos e super-bem-coreografados vídeos do Shinee, Beast, Wonder Girls, TVXQ, 2PM e mais um monte de Kpopers, aguardar com ansiedade os próximos brindes da Ribon (esperando que eles tenham muitos laços e jóias coloridas) e torcer para o SBT reexibir pela enésima vez A Usurpadora.

 "Querida, sempre soube que você tinha os dois pés na breguice mais cretina! Bjos!"

Ah, como é bom ser a gente mesmo...     

Aqui está a cena que mostrei pra minha irmã e desencadeou essa epifania da breguice assumida:


7 comentários:

Buruna-chan disse...

Oie Tabby

Adoro ler seus posts, me divirto muito, fora as informações.

Pela sua fotinho no perfil do Twitter vc parece ser bem séria, mas através do shoujocast eu descobri q não. rsrs

Bjinhus!

Rodjimi disse...

Brega is beautiful!

Tabby Kink disse...

Oi Buruna-chan! Obrigada pela visita! Que bom que curte o blog! Eu até mudei meu avatar no twitter depois de ler seu comentário! XD Não sou nem um pouco séria! Não quero MESMO passar essa imagem! XD

Tabby Kink disse...

Rodjimi, brega is beautiful e muito divertido também! XD

Buruna-chan disse...

Oieee Tabby!!!

Eu vi q vc mudou, não era minha intenção.

Você é muito divertida mesmo =D Adoro te seguir.

Parabéns!!!

Bjinhus ^^

Rafi disse...

Puxa, meu comentário gerou um post pra lá de inspirado, hein? XD
Minha intenção não foi fazer pouco caso dos filmes indianos. Foi uma primeira impressão, só isso. Mas "ser brega" não é "ser ruim". Pelo menos não para mim. Tb curtia muito "A Usurpadora", tá? =D

O importante é ser feliz.

Camilla disse...

Vc pode indicar algum site pra baixar filmes indianos? vc vê em inglês ou legendado? sinto que encontrei um o que faltava na minha vida: filmes indianos!hahahah